J. Correia Lopes

FEUP/DEI & INESC TEC

User Tools

Site Tools


students:201807jalex

Differences

This shows you the differences between two versions of the page.

Link to this comparison view

students:201807jalex [15/05/2019 18:19] (current)
Correia Lopes created
Line 1: Line 1:
 +====== José A Teixeira ======
 +
 +**[[https://​sigarra.up.pt/​feup/​pt/​cur_geral.cur_view?​pv_curso_id=742|Master in Informatics and Computing Engineering]]\\
 +Using SensorThings API to enable a multi-platform IoT environment\\
 +José Alexandre Barreira Santos Teixeira**
 +\\
 +---
 +\\
 +
 +===== Abstract =====
 +
 +
 +Recently, researchers are focusing on a new use of the Internet called the Internet of Things (IoT).
 +This concept is based on the premise that electronic devices can be remotely accessed over the Internet.
 +
 +IoT represents an evolution of the Internet, taking a huge leap in its ability to gather, analyze, and distribute data that can in turn be transformed into information and knowledge. ​
 +Due to its applications,​ IoT becomes immensely important.
 +
 +One of the most common applications for IoT are smart cities whose final aim is to make a better use of the public resources, increasing the quality of the services offered to the citizens, while reducing the operational costs of the public administrations. ​
 +However, there are many other fields where this concept is most useful such as home automation, industrial automation, healthcare, intelligent energy management and smart grids, traffic management and many others.
 +
 +As the IoT is in a very early stage, manufacturers of Internet-connected devices and IoT web service providers are defining their own proprietary protocols based on their targeted applications.
 +This in turn will make the IoT environment heterogeneous in terms of hardware capabilities and communication protocols.
 +
 +To solve this heterogeneity one possible solution would be opting for open standards in these IoT devices thus enabling the interoperability between each other. ​
 +By hosting open standard communication protocols on these devices, the devices become self-describable and interoperable and new applications can be developed with a common underlying interface.
 +
 +The main goal of the work presented in this dissertation is to develop an application that leverages from an open standard — the SensorThings API — to allow the creation of a multiplatform IoT environment. ​
 +The SensorThings API is a standard proposed by the Open Geospatial Consortium (OGC), designed specifically for an IoT environment taking into consideration the constrained resources of the IoT devices.
 +
 +This project encompasses the development of an application that is able to aggregate information,​ device data and interoperate with other cataloging applications via common standards. ​
 +Therefore, this application has to seamlessly access the data that is scattered between the IoT constituent nodes.
 +The data that is generated is the result of the sensors activity and can be a multitude of physical properties according to the sensors own capabilities.
 +
 +This project’s success could be an important proof of concept on the usage of open standards to enable for distinct organizations to participate in a collaborative way to share their data, and also by using data from other sources in order to produce higher-value outputs.
 +
 +===== Resumo =====
 +
 +Recentemente,​ existe um esforço por parte de investigadores numa nova utilização da Internet, denominada por Internet of Things (IoT). ​
 +Este conceito baseia-se na premissa que dispositivos eletrónicos podem ser acedidos remotamente pela Internet.
 +
 +IoT representa uma próxima evolução da Internet, dando um contributo significativo na sua capacidade de colecionar, analizar e distribuir dados que poderão posteriormente ser transformados em informação e conhecimento. ​
 +Dadas as suas aplicações,​ a IoT torna-se muito importante.
 +
 +Uma das aplicações mais comuns para a IoT são as //smart cities// cujo objetivo é fazer um melhor uso de recursos públicos, aumentando a qualidade dos serviços oferecidos aos cidadãos, ao mesmo tempo reduzindo os custos operacionais das administrações públicas. ​
 +No entanto, existem vários outros campos onde este paradigma se torna útil como em automação doméstica,
 +automação industrial, saúde, gestão inteligente de energia e //smart grids//, gestão de trânsito, entre
 +outras aplicações.
 +
 +Devido à existência recente de IoT, os produtores de dispositivos conectados à Internet e fornecedores de serviços IoT estão a definir os seus próprios protocolos baseados nas aplicações a serem desenvolvidas. ​
 +Isto por sua vez fará com que os ambientes IoT ganhem um grau de heterogeneidade em termos de capacidades de //​hardware//​ e protocolos de comunicação.
 +
 +Uma forma de mitigar a heterogeneidade seria optar por escolher convenções nestes dispositivos IoT de forma a permitir a interoperabilidade. ​
 +Através da utilização de convenções para protocolos de comunicação nestes dispositivos,​ não só estes dispositivos tornam-se auto-descritivos e interoperáveis,​ como também dá origem a que novas aplicações possam ser desenvolvidas tendo por base uma interface subjacente comum.
 +
 +O objetivo do trabalho descrito nesta dissertação é o desenvolvimento de uma aplicação que toma por base um standard — o SensorThings API — para permitir a criação de um ambiente IoT multi-plataforma. ​
 +O SensorThings API é um standard proposto pelo Open Geospatial Consortium (OGC), desenhado especificamente para ambientes IoT tendo em consideração os recursos restritos dos mesmos.
 +
 +Este projeto envolve o desenvolvimento de uma aplicação que permite agregar informação,​ dados dos dispositivos e interoperar com outras aplicações de catalogação via standards comuns.
 +Desta forma, esta aplicação terá que aceder aos dados que estão espalhados entre os seus nós IoT constituintes. ​
 +Os dados que são gerados são o resultado da atividade de sensores e que poderão ser uma multitude de propriedades físicas, de acordo com as próprias capacidades do sensor.
 +
 +O resultado final do projeto pode constituir uma prova de conceito importante em como a utilização de standards comuns podem concretizar a possibilidade de diversas entidades participarem em formas colaborativas de partilhar dados e de simultaneamente usar informação de outras fontes para produzir análises mais complexas.
 +
 +===== Jury =====
 +
 +  * Chair: Prof. Carla Teixeira Lopes
 +  * External Examiner: Prof. Alexandre Valente de Sousa
 +  * Supervisor: Prof. João Correia Lopes
 +  * Date: 13/07/2018
  
students/201807jalex.txt · Last modified: 15/05/2019 18:19 by Correia Lopes